Como falar do Mundo Espiritual para as Crianças?

Angélica Periotto
|
07/05/2013 às 14h30 - terça-feira
Vivian R. Ferreira

Na Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo as crianças recebem conteúdo espiritual elevado na linguagem adequada a elas. São encaminhadas, portanto, a trilhar o caminho do Bem e a receber proteção espiritual.

A Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo compreende que o Mundo Espiritual é a dimensão onde vivem os Espíritos, Anjos da Guarda, Almas Benditas, bem como, nossos parentes e amigos que permanecem vivos, mesmo após o fenômeno da morte. Ele é a pátria de origem de todos nós, pois ensina o presidente-pregador da Religião do Terceiro Milênio, José de Paiva Netto, que “estamos corpo, mas somos Espírito”. Portanto, falar sobre essa realidade ainda invisível, mas muito presente nas nossas vidas, é fundamental! Sendo assim, como falar do Mundo Espiritual para as crianças? 

Gustavo Henrique Lima

Soldadinho de Deus eleva o pensamento a Jesus por meio da oração no Templo da Boa Vontade.

Ensinar uma criança é como acender uma luz. Um aprendizado básico que os pais e responsáveis ensinam é que o escuro não traz temor, mas representa apenas aquilo que ainda não vemos. Ao compreender isso, a criança acaba se libertando desse medo. Da mesma maneira, conforme vamos crescendo, outras luzes são acesas para nos mostrar o que ainda não havíamos visto com clareza. Quando falamos de aprender sobre a existência do Mundo Espiritual, ocorre o mesmo processo, principalmente porque nesse caso, diante de tudo o que ainda precisamos descobrir, podemos nos considerar como crianças, em processo de aprendizagem.

Mas como encontrar formas de abordar o tema sem gerar medo nas crianças? Por meio do diálogo, feito com calma, paciência e amor! Crie momentos tranquilos para conversar sobre o assunto, como antes da criança dormir. Além de fazer bem ao espírito do pequeno que dormirá melhor, ele vai associar a espiritualidade a esses momentos bons e felizes vividos em família.

A PRIMEIRA LIÇÃO A SER TRANSMITIDA

Jesus, o Cristo Ecumênico, Divino Estadista se utilizou desse método de paciência e amor para conosco ao trazer os Seus ensinamentos, acendendo em nós luzes de conhecimento sobre a eternidade da vida. A exemplo de quando nos ensinou a falar com Deus, apresentando a Prece do Pai Nosso (Evangelho, segundo Mateus, 6:9 a 13). O Educador Celeste não apenas afirmou que o Pai Celestial existe, mas também tornou acessível o diálogo com Ele. E esta é a primeira lição para se transmitir às crianças, a importância da Oração, que deve estar sempre acompanhada de boas atitudes.

A prece é uma importante ferramenta para eliminar o medo, pois ela saberá que não está sozinha, que existem Espíritos de Deus, Anjos da Guarda, Almas Benditas ao seu lado, lhe protegendo e lhe ajudando a tomar a melhor decisão e atitude em um momento de insegurança. A partir daí, damos também às crianças a capacidade de se protegerem espiritualmente, pois da mesma maneira que existem bons espíritos, há aqueles que ainda não compreenderam o valor da Bondade, mas que um dia também serão despertados para este entendimento.

Vivian R. Ferreira

Soldadinhos de Deus em contato com leituras benéficas aos Espíritos deles. Na foto, eles leem um dos livros da Coleção Ecumênica “As parábolas de Jesus”. As histórias desta coleção, dirigidas às crianças de todas as crenças e filosofias, têm por princípio levar-lhes, de forma clara, os ensinamentos do Cristo Ecumênico, o Divino Estadista.

Sobre o assunto, o nobre dr. Bezerra de Menezes (Espírito, coordenador no mundo espiritual da Revolução Mundial dos Espíritos de Luz), em uma mensagem destinada às crianças e aos jovens, publicada na revista Jesus está Chegando!, edição 107, conversa com os meninos e meninas explicando, com simplicidade, como agir para ter a proteção do lar: “Não tenham receio de pedir em suas orações que os Anjos da Guarda limpem o ambiente onde moram, levando os Irmãozinhos espirituais (que padecem perturbações), que precisam ser recuperados, aos hospitais do Espaço, pois, às vezes, eles se aproximam porque veem a luz do ambiente familiar de Vocês e querem melhorar. Mas nem sempre melhoram de imediato e por isso precisam de tratamentos especiais existentes no Mundo Espiritual”. Temos aqui, uma clara instrução sobre como orientar nossas crianças a se defenderem espiritualmente.

+ Os espíritos podem influenciar nossas decisões? 

A importância de se apresentar com naturalidade e equilíbrio o Mundo Espiritual e os Espíritos de Luz para as crianças, e também aos adultos, é grande porque todos precisam criar fortalezas espirituais íntimas para conduzirem melhor suas escolhas, em todas as etapas da vida. Daí a Religião do Amor Universal indicar a Oração no Lar, um momento sagrado e em família para que semanalmente todos possam se reunir, conversar sobre bons assuntos, lerem conteúdos que ressaltem os bons valores e orarem juntos. Quanto mais os pequenos tiverem confiança na proteção dos seus Anjos da Guarda, mais aptos estarão para compreender os demais assuntos ligados ao Mundo Espiritual.

Gabriel Estevão

A Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo oferece atividades dedicadas a preparar os Soldadinhos de Deus, como são carinhosamente tratadas as crianças na Religião Divina, para a vida: são as Aulas de Moral Ecumênica (AME). Elas ocorrem em ambientes de muito aprendizado e alegria, nas quais as crianças conversam sobre os ensinamentos de Jesus, contidos em Seu Evangelho e Apocalipse, reconhecendo os valores universais que Ele nos apresenta, como o respeito, a união, o cuidado com o próximo. São aplicadas atividades lúdicas e educativas, de acordo com a faixa etária delas. 

Envolva a família e participe! Saiba o endereço da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo mais perto de você. Se preferir, ligue: 0300 10 07 940 (custo de ligação local + impostos).

Gustavo Henrique
Aprender brincando sobre os ensinamentos de Jesus é muito mais divertido. Assim, as crianças na Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo cultivam valores de Solidariedade, Respeito e Amor desde pequenas.


FÓRUM INTERNACIONAL DOS SOLDADINHOS DE DEUS, DA LBV

Com objetivo de oferecer um espaço fraterno e agradável para as famílias e o desenvolvimento das novas gerações, o educador Paiva Netto criou o Fórum, pois ele acredita no valor dos pequeninos: “Nesses encontros, eles podem cada vez mais e da melhor forma desenvolver com alegria o alto sentido da liberdade de pensar. Exercitam a arte de expressar-se com equilíbrio, de maneira clara e prática, jamais esquecendo de discorrer sobre como realizar as propostas selecionadas. E, acima de tudo, cultivam o respeito ao ponto de vista dos outros colegas”. O Fórum já está em sua 15ª edição e, até março de 2018, os Soldadinhos de Deus desenvolverão uma série de atividades sobre o tema: “Na sintonia do coração, eu comunico a Paz!”.

Avalie este conteúdo