Internauta supera câncer e compartilha mensagens de Paiva Netto para levar esperança a outros pacientes

Da Redação
|
24/11/2014 às 14h07 - segunda-feira

Sueli Aparecida Alves Albano, de São Paulo, SP, esteve presente nas comemorações do Jubileu de Prata do Templo da Boa Vontade, onde sob o comando de Paiva Netto mais de cem mil pessoas acompanharam o lançamento de sua mais recente obra: Jesus, a Dor e a origem de Sua Autoridade.

A leitora que venceu o câncer de mama, mas diante de suas lutas não se esqueceu de agir com solidariedade, conta que retribui as bênçãos recebidas dedicando mensagens de esperança para quem ainda enfrenta o diagnóstico, segundo estimativas do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca) 57 mil brasileiras estarão com a doença em 2014.

Arquivo pessoal

Nos grupos em que participa nas redes sociais, que são comunidades exclusivas para mulheres que enfrentam o câncer de mama, ela conta que todos os dias, um pouco antes da Hora do Ângelus, posta um destaque deste lançamento literário na intensão de contribuir para o fortalecimento dessas verdadeiras guerreiras, para que não percam a coragem e a perseverança diante dos desafios da enfermidade.

Segundo Sueli as palavras de Paiva Netto, presidente pregador da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo, a fortaleceram para enfrentar a doença e ainda a ajudaram no amadurecimento da sua Alma, para que pudesse compreender que nenhum sofrimento é vão e Jesus jamais nos desampara. “A mensagem dele [Paiva Netto] é para todos independente da religião. Com o Irmão Paiva a gente vê por outro ângulo as lutas e a gente leva para as irmãs do grupo essa mensagem de que é difícil, mas não é impossível e com essas palavras do livro a gente vai criando forças, elevando os pensamentos a Jesus e vai vencendo”, comenta.

 

Acompanhe em áudio este testemunho do Poder da Fé Realizante

 

 

Confira este emocionante relato concedido à Super Rede Boa Vontade de Rádio:
“Eu estive em Brasília nas comemorações do Jubileu de Prata [do TBV] e comprei o livro Jesus, a Dor e a origem de Sua Autoridade, do Irmão Paiva Netto. Então, pedi o discernimento para Jesus e abri aleatoriamente para ler uma passagem e coincidentemente aconteceu de ser a página 231[edição tradicional]: ‘A Autoridade de Jesus’, que diz ‘Eu sou o Pão Vivo que desceu do céu’[citação do Evangelho segundo João, 6:51] e foi a mensagem que eu postei para as minhas irmãs guerreiras.

“Então, esta obra foi uma Luz, uma coisa muito linda, que serve para enaltecer ainda mais o nome de nosso Senhor Jesus Cristo. Eu já tive um câncer e participo de um blog de guerreiras mulheres com câncer, somos em 8 mil mulheres. E eu trouxe o livro Jesus, a Dor e a Origem de Sua Autoridade, então todos os dias antes das 18 horas, Hora do Ângelus, eu posto uma passagem com um comentário do Irmão Paiva Netto e isso tem fortalecido demais as nossas guerreiras e tem feito com que elas vivam mais, vivam melhor, que busquem se fortalecer nas suas lutas diárias, porque um câncer não deixa de ser um câncer.

“Este livro veio para fortalecer ainda mais as nossas guerreiras que serão vitoriosas em nome de Jesus.

Arquivo pessoal

Com sorriso no rosto Sueli continua fazendo o acompanhamento médico necessário.

Como enfrentar o diagnóstico de uma doença grave

Ter a confirmação de uma doença grave traz inúmeras preocupações e é natural se sentir apreensivo e ansioso diante da situação, mas não é preciso se entregar a esses sentimentos. Por isso, é importante buscar a serenidade que conduzirá a uma atitude de perseverança pelo tratamento mais adequado, sem jamais perder a esperança na recuperação.

A prece traz uma força grandiosa para enfrentar as lutas diárias. É a tranquilidade que permite suportar a angústia dos diagnósticos mais difíceis. É companheira fiel diante das incertezas e é paciência para suportar os dias mais longos.

Participe da Corrente Ecumênica de Orações da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo. Inscreva o seu nome, de familiares e amigos, no Sagrado Livro de Preces.

__________

*A Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo em momento algum aconselha as pessoas a abandonarem o tratamento médico tradicional ou deixarem de procurá-lo em virtude de alguma doença. Deus, nosso Pai de Poder e Bondade, utiliza-se da medicina material para curar ou abrandar uma moléstia, conforme os conceitos científicos existentes, que se aperfeiçoam com o passar do tempo, inspirados pelo próprio Criador da ciência: o próprio Deus.

 

Avalie este conteúdo